Unidade 3 Economia circular e sustentabilidade

A atual economia linear de extração-transformação-utilização-descarga levou-nos ao ponto de extrairmos recursos da Biosfera sem restaurarmos o mesmo valor para que esteja disponível para os nossos filhos.

Foi nos anos 70 que iniciámos este processo de esgotamento dos recursos naturais disponíveis, ultrapassando a capacidade de regeneração dos ecossistemas. E a população mundial e as suas necessidades continuam a crescer.

Para inverter este processo, o paradigma da economia mundial deve ser alterado para um sistema baseado na restauração do valor natural através da redução, reutilização, recuperação e reciclagem dos recursos usados (materiais e energia). Isto irá prolongar a sua vida no sistema, e reduzir o impacto do ciclo de vida dos produtos e serviços gerados, implementando o conceito de sustentabilidade, e assim uma Economia Circular.

Esta adaptação não implica que haja uma perda de competitividade por parte das pessoas envolvidas no processo. Pode mesmo criar oportunidades e melhorar os processos existentes, tornando-os mais eficientes e com maior valor acrescentado para a sociedade, ao mesmo tempo que impulsiona as atividades a nível local. De facto, a necessidade de otimizar os recursos é um princípio económico clássico e a passagem para a economia circular ajudará neste processo de eficiência/otimização de recursos.

Face a este ambiente económico e social em rápida mudança, pensar na sustentabilidade e numa gestão social e ambientalmente responsável representa uma forma de as empresas se posicionarem no mercado e prosperarem.

Medidas de prevenção de resíduos, conceção ecológica (estimular o desenvolvimento e a inovação), reutilização, e outras ações no âmbito da economia circular podem gerar poupanças muito significativas para as empresas, criando empregos diretos no sector da gestão sustentável (por exemplo, na gestão de resíduos, gestão de efluentes e no sector das energias alternativas), reduzindo simultaneamente as emissões de gases com efeito de estufa e o impacto do ciclo de vida das atividades das empresas.

A indústria da moda e a sua relação com a economia circular

Muito bem, completou com sucesso o módulo

“Economia circular, o que está no nome?”

Manual

Baixar